quinta-feira, 14 de julho de 2011

Meu filho querido, acreditar que você está vivo, e que vou reencontrá-lo, é o que me mantém de pé. Até logo, que Deus te abençoe meu amor...


MORRER É VOLTAR PARA CASA
Quando a morte chega, com sua bagagem de mistérios, traz junto divergências e indagações.
Afinal, quando os olhos se fecham para a luz, o coração silencia e a respiração cessa, terá morrido junto a essência humana?
Materialistas negam a continuação da vida. Mas os espiritualistas dizem que sim, a vida prossegue além da sepultura.
E eles têm razão. Há vida depois da morte. Vida plena, pujante, encantadora.
Prova disso? As evidências estão ao alcance de todos os que querem vê-las.
Prova disso está nas mensagens de renovação que vemos em toda parte.
Ou você nunca notou as flores delicadas que nascem sobre as sepulturas? É a mensagem silenciosa da natureza, anunciando a continuidade da vida. A morte é apenas o fim de um ciclo, a volta para casa.
Do outro lado da vida, a multidão de seres amados o aguarda. Pais, irmãos, filhos ou avós - não importa, os parentes e amigos que partiram antes estarão lá, para abraços calorosos, beijos de saudade, sorrisos de reencontro.
Nesse dia, as lágrimas podem regar o solo dos túmulos e até respingar nas flores, mas haverá felicidade para o que se foi em paz.
Ele vai descobrir um mundo novo, há muito esquecido. Descobrirá que é amado e experimentará um amor poderoso e contagiante: o amor de Deus.
Depois daquele momento em que os olhos se fecharam no corpo material, uma voz ecoará na alma que acaba de deixar a Terra.
E dirá, suave: Vem, sê bem-vindo de volta à tua casa.


Momento Espírita. Disponível no Cd Momento Espírita, v. 17, ed. Fep.

11 comentários:

Aline disse...

Que mensagem linda, Régia. Também é esta esperança do reencontro que tem me mantido de pé, apesar de que às vezes me pego questionando se há mesmo algo além da vida. Sei que sou fraca, mas quando leio mensagens lindas como esta, minhas esperanças são renovadas.
Beijos, e fique com Deus!

Régia Guerra Costa disse...

Aline querida,obrigada pelo carinho de sempre, confesso que também , nos meus momentos de desespero e revolta,tenho muitos questionamentos, mas peço perdão a Deus e tenho certeza que Ele perdoa um coração de mãe aos pedaços. É nesse instante que me agarro com todas as forças nessa esperança de reencontrar o meu filho.
Temos que ter forças e acreditar no amor de Deus por nós.
Que Ele te proteja e sossegue o seu coração, um beijo.

Miguel de la T.P. disse...

Buenos dias, encantado de pasar por tu blog. Te felicito por el talento que tienes al escribir. Sin duda seguiré dando la vuelta por aquí, facilita la inspiración! un saludo desde Jaén

Marian disse...

Buenas tardes Royal: Hermosa y profunda reflexión.
La vida no termina con la muerte, es comienzo de
resurrección y de encuentros.
¡Mucho animo!
¡Dios os bendiga.!

Mariana e Malane disse...

Boa noite amiga, o amor de nossos filhos é a razão maior de continuarmos nossa caminhada e ficarmos fortes para sermos merecedoras de um dia reencontrá-los, podemos nos dizer mulheres felizes de termos vivido com eles e sermos mães de jovens tão lindos e especiais...beijos
Fica com Deus!

lourdes disse...

Gracias por este compartir que DIOS te bendiga un saludo

Elias o pensador disse...

Muito lindo,abraço em seu coração.

Ilca Santos disse...

Lindo esse Texto!... Uma mensagem maravilhosa de força e esperança.
Que Deus continue nos amparando com Seu amor, e com Seu poder renove cada vez mais a nossa força, perseverança e fé!
Um beijo no seu coração minha querida!

VERÔNICA disse...

Que lindo!!!! Meu filho fez 5 anos ontem e tenho muito medo de perdê-lo, apesar de saber que a morte é inevitável e que todos passaremos por isso, o que de forma alguma diminui a dor da perda do convívio... mas, o ciclo normal da vida deveria ser sempre os pais partirem antes dos filhos. Não dá pra imaginar este sentimento... desejo à você e à todos que estão passando por este momento, muita força e fé!

bjs

brechoparaquemechic@bol.com.br

Rebeca Coimbra disse...

Oi Flor passei pra deixar um mimo pra vc!!!
Entra no link abaixo,é um selinho pro teu blog.

http://rebecacoimbra.blogspot.com/2011/07/meu-1-selinho.html

Beijos

Patricia G. C. O disse...

Quanta saudade, Thadeu...é uma saudade tão grande, uma vontade tão grande de ouvir sua voz, ver seu sorriso... dói tanto...tanto
te amo...